As causas do acidente ficarão sob a responsabilidade da PRF e Polícia Civil. Nas redes sociais, familiares e amigos lamento a morte do casal.

Para a liderança da Polícia Civil o resultado da operação foi bastante satisfatório. Atuaram na operação 168 profissionais, sendo 123 policiais civis - entre delegados, agentes e escrivães - e 45 policiais militares

As investigações tiveram início em novembro de 2014.

De acordo com informações da irmã da vítima, o suspeito havia prometido um emprego num escritório situado em Gravatá. Maria Alice, de 19 anos, saiu na companhia do homem, e não voltou mais.

A garota teria recebido convite para trabalhar em um escritório empresarial em Gravatá cuja a sede seria no Recife. A garota foi vista pela última vez na Avenida Recife.

O terceiro envolvido não foi localizado pela polícia que continua realizando rondas por todo Estado para localizá-lo

O coletivo fazia a linha Recife/Caruaru quando um dos passageiros se levantou e anunciou assalto no perímetro urbano da cidade. Um passageiro policial reagiu e foi baleado. Um dos assaltantes durante troca de tiros também acabou sendo atingido.

No sistema do Departamento Estadual de Trânsito – DETRAN/PE – o veículo consta com o IPVA 2015 pago, no entanto possui mandado de busca e apreensão.

Foi localizado com o rapaz R$ 150 reais e aproximadamente 300 gramas de maconha pronta para o consumo enrolada em um saco plástico

O suspeito de tráfico foi conduzido para o plantão da 62ª Delegacia de Polícia onde foi qualificado e conduzido para o Presídio de Vitória de Santo Antão