Notícias

Veja algumas das frases mais tristes ditas por familiares dos desaparecidos na Tragédia em Brumadinho

Algumas frases repercutiram pelas redes sociais causando muita tristeza

A menos de uma semana da terrível tragédia da mineradora Vale em Brumadinho – MG, algumas coisas vão ficando para trás e outras ainda causam e vão continuar causando muita tristeza ao ser lembrada em alguns lugares.

Trabalhadores e moradores mortos, Famílias destruídas,meio ambiente muito prejudicado, além de muita Tristeza, foi o que restou da tragédia. O rompimento da barragem deixou mais de 100 mortes e mais de 200 desaparecidos, número alto e que já não causa nenhuma esperança de alguém ser encontrado vivo.

Em meio a toda essa tristeza, algumas frases de esperança causaram muita repercussão nas redes sociais, e com ela muita tristeza de alguns que já tinham o pensamento formado de que a grande maioria daqueles desaparecidos provavelmente já estariam mortos.

” Eu espero que ele volte pra casa. Eu liguei e o telefone só chama, mas talvez ele tenha perdido o celular, não é mesmo?” Essa foi uma frase dita por uma esposa de um trabalhador desaparecido na tragédia em uma entrevista para um grande canal de televisão. A esperança dela fez com que muitas pessoas que já sabiam das possibilidades de vida no local, chorassem em frente a tv.

” Eu tenho certeza que ele está vivo mesmo sem conseguir falar com ele. O meu irmão está esperando ele chegar, para poderem jogar o futebol que marcaram pra amanhã, ele tem 6 anos e ainda não sabe de nada”. Essa foi a frase dita por uma garota em uma rádio local de Belo Horizonte, e que emocionou os ouvintes e os trabalhadores da rádio.

“Meu irmão está vivo sim! Ele correu pra mata morro acima. Eu to tentando ir pra lá mais as pessoas não querem deixar. Me disseram que só vão começar a procurar na mata daqui a dois dias com os cachorros. Se os bombeiros não vão procurar na mata, eu mesmo vou!” Frase dita em um jornal da record tv, em meio a choro e a um sentimento de tristeza e revolta por um irmão de um trabalhador que também foi vitima da tragédia.

Infelizmente não tivemos nenhuma informação se alguma dessas pessoas desaparecidas conseguiram voltar para as suas casas e suas famílias.

Frases como essas, ao mesmo tempo que trazem esperanças para algumas pessoas, também trazem uma tristeza muito grande para outros. Já que o próprio corpo de bombeiros já havia alertado que essas pessoas dificilmente estariam vivas  naquele enorme lamaçal.

Etiquetas

Marcos Santana

Marcos Santana é formado em publicidade e direito pela USP. Ele é radialista e também é apaixonado pela cidade onde vive. Hoje, Marcos esta a frente da redação do “Gravata Notícias”

Artigos relacionados